Postagens

ESTAR EM PAZ CONSIGO MESMA (TÂNIA POLON)

Imagem
O que é de fato estar em paz consigo mesma? 

Estamos em paz conosco? 
Quando podemos dizer que estamos em paz de verdade?



Algumas pessoas te dirão que estar em paz consigo mesmas é não dever dinheiro a ninguém, pagar suas contas em dia, que as deixa dormir em paz. 
Mas de fato não dever a ninguém ou pagar suas contas em dias não significa que estamos em paz conosco. 
Pagar suas contas em dia é uma simples obrigação de todos nós e não há mérito algum nisso.



Outras dirão que o dever cumprido as deixam em paz consigo mesma. 
Que ao ter educado bem seus filhos muito bem, estarão em paz consigo mesmas. 
Mas e a responsabilidade social? 
Nós a cumprimos de fato? 
Sei que temos direitos e deveres a cumprir diariamente em nossa vida, mas é responsabilidade de todos nós estimularmos crianças a agirem de acordo com a ética, princípios como a honestidade, respeito com as escolhas alheias, não sermos preconceituosos, ensinarmos a serem cidadãos.



Valores e virtudes que deveriam estar internalizados em nós, c…

LIBERDADE (LANA NÓBREGA)

Imagem
Dos eventos que nos surgem estão aqueles (muitos) que vêm para que (re)conquistemos a nossa liberdade.


Liberdade é algo paradoxo: porque advém sempre da destruição de um mundo antigo para o surgimento de uma nova realidade.


O caminho para a liberdade sempre exige enfrentamento: ato heroico para si. Para si. A liberdade é um inspirar-se de si mesma.



E por isso mesmo requer quebra, requer rompimento de estruturas e, muitas vezes, de relações que aprisionam.


A liberdade é também um abraçar a solitude: porque ninguém nunca saberá exatamente o que você passará para conquistá-la. O processo da liberdade é seu e de mais ninguém.


E mesmo que se encontrem abraços empáticos pelo caminho, só você sabe a dor de quebrar as estruturas antigas para, exausta e ferida, chegar ao outro lado do muro.


Mas aí vem o terreno fértil da liberdade: nela, você pode começar a descobrir a si mesma e a entender que tudo o que existia no mundo antigo, permanece lá e sobrevive sem você.


E que você que tirava pedaços de si …

ESPIRITUALIDADE (LANA NÓBREGA)

Imagem
A espiritualidade deve ser aquilo...


Que te ajuda.


Na construção do teu ser.


Na melhoria da tua alma.

E na reflexão sobre a tua existência.



A real espiritualidade chama...

À compaixão.

Ao amor.

À paz.



Nada que te censure...

Te oprima.

Te julgue.

Te condene.

Está relativo a espiritualidade.

Isso é coisa de homens.

Não de Deus.



O QUE FAREMOS DAS NOSSAS VIDAS? (TÂNIA POLON)

Imagem
Vivemos em um planeta muito habitado... 


Imaginem quantos pensamentos e sentimentos não circundam nas mentes dos seres desse planeta?

O mundo está repleto de emoções. 

As pessoas criam formas e pensamentos no decorrer de suas vidas. 

Essa atmosfera propicia para que o planeta viva positivamente ou negativamente. 

Imaginem um pulmão cheio de fumaças tóxicas. 

Essas formas e pensamentos podem caracterizar um lixo tóxico.

Ou um ar puro que jorramos para nosso planeta através dos nossos pensamentos e sentimentos.

Muitas pessoas consomem-se diariamente num turbilhão de pensamentos e sentimentos nefastos.


Deixam de acreditar no potencial de força que habita dentro de si mesmas.


Se colocam na condição de coadjuvantes de suas próprias vidas.

O que fazemos de bom em prol do nosso planeta?

Cuidamos dos seres humanos, dos mares, dos rios, da natureza, dos animais, preservamos a água, a comida?

Estamos construindo um mundo melhor ou destruindo o lar das nossas futuras crianças?

Cuidamos dos nossos sentimentos?

GAROTAS SM &TM (KIKA MENDONÇA)

Imagem
Dia 23, outono em maio às 22:30h ocorre o encontro de SM & TM num papo de Yahoo Messenger. 
TM era segredos. 
SM era Senhora. 
Rolava muita conversa, TM curiosa insistia para SM se apresentar. 
A noite adentrava, SM não queria perder a chance de seduzir TM. 
Entre verbos, sinônimos e adjetivos, TM queria mais uma prosa, desta vez, sem rodeios, queria esquadrinhar SM. 
Sua bolsa é Monica Sanches? 
Seu sapato é Corello? 
Seu perfume é Gabriela Sabatini? 
SM virou o jogo: Sua Batata frita é McDonald’s? 
Seu Frango à passarinho é Degas? 
Seu Kibe é Almanara? 
Seu Café é Frans? 
Seu Shop é BarBrahma? 
Ah!!! 
SM pegou forte. 
Apertou. 
Cercou. 
TM saiu da toca: Ave Maria, rogai por nós os pecadores, na voz de Celine Dion. 
SM não entendeu. 
É um pedido de socorro? 
Então lá vai o pedido de SM: Ando por aí querendo te encontrar, em cada esquina paro em cada olhar, na voz de Cássia Eller. 
Vou trabalhar, quero dormir, escreveu a frase esparsa TM, traduzindo sua vontade de ficar. 
SM, sor…

A RAZÃO DE SERMOS MÃES (LANA NÓBREGA)

Imagem
A razão de fazermos parte do caminho uns dos outros. 

O motivo pelo qual vidas se cruzam, se interligam, se relacionam.

Os vínculos que criamos e as pessoas que carregam nelas o nosso coração.

Eu sempre desejei ser mãe. 
Aliás, acho que sempre fui/sou um pouco mãe de todos que cruzam o meu caminho. 
É meu isso. 
Sou caranguejo, gosto de me aconchegar e gosto de colocar sob a asa também. 
Proteger é sempre o meu primeiro impulso.

Mas nada na vida foi e é mais transformador do que enxergar em outro ser humano algo tão forte à ponto de saber que estão predestinados à serem um do outro. 
A ponto de saber que a partir dali sua vida jamais será a mesma, que você jamais poderá existir sem saber que aquelas pessoas estão bem e felizes.

Assim é com meus filhos. 
Tenho a plena convicção de que nasci para ser mãe deles e que eles nasceram para serem meus filhos. 
A existência deles me emociona e me transborda e por eles já efetuei imensuráveis transformações em mim e na minha forma de interpretar a vida. 
E …

MÃE NOALANDÊSA (KIKA MENDONÇA)

Imagem
É mãe. 

Ela é pintada no quadro em vértices, côncavos e convexos. 

Suas formas emolduram o amanhecer e a penumbra no décimo segundo de um prédio edificado. 

Suas preces são de mármore em resenhas na parede. 

Seus versos são palavras de amor para suas filhas. 

Quero ver minhas filhas crescerem, quero ser mãe, amiga e confidente. 

Oh! 

Pois sim! 

Ela é a mãe que fala o que vem à cabeça, não importa a rima, a sonata a ária. 

Ela faz prova de roupa e chama a costureira numa gradação espontânea: dona tecida, dona linha, dona agulha. 

A mulher olha por cima dos óculos numa rajada de sorrisos, e não bastava a entoação daquela sonata doida, ela ainda abre a boca pra chamar dona máquina; evidente que interrompi esse monólogo intrépido. 

Duas semanas dali, na loja de decoração ela chamou a recepcionista de dona toalha. 

Eu parei! 

Nossa! 

Será nascida da Excêntrica Família de Antônia, o filme na minha visão? 

Será nascida do “Minha Mãe é uma Peça”, o filme na visão de suas filhas? 

Ela é por ela mesma. 

A Nerd …