Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

TUA LUA (DANIELA MERCURY & ALFREDO MOURA)

Tua inteira lua
Tua, em cada gesto um verso
Tua, não só por um dia
Ando a ver o que não via
O beijo é o que me silencia
Para ouvir o som do peito
Que já não batia
Lua, lua, lua, lua, lua, lua, lua, lua
Tua, assim um desafio
Tua, lhe prometo abrigo
O teu corpo
Estampado no meu
Te dou o meu sorriso
Tua lua, sempre tua
Tua porque o amor é tanto
Tua porque o seu amor me basta

SWING DA COR (DANIELA MERCURY & OLODUM)

Imagem

NOBRE VAGABUNDO (DANIELA MERCURY)

Imagem

O AMOR (TÂNIA POLON)

Imagem
O Amor quando expresso em palavras consegue tocar profundamente o nosso coração e o das pessoas que convivem conosco.

O Amor chega de mansinho, todo faceiro, sem pedir passagem, como se não quisesse entrar, de repente se abriga em nossa alma.

O Amor toca-nos profundamente a sensibilidade e nos revigora as células e os poros.

O Amor chega a ser um sentimento conflitante:

- Quando nos deixa serenos e aflitos no mesmo momento.
- Quando nos deixa tranquilos e em desalinho.
- Quando nos deixa em plenitude e em estado de torpor.
- Quando nos deixa completos e sem chão.

O Amor nos transforma em pessoas corajosas e melhores:

-  Quando nos acalma e acalenta.
-  Quando deixamos fluir de dentro para fora.
- Quando chega sem avisar e nos preenche com toda sua magnitude.

O Amor sintoniza a plenitude em nosso ser e nos torna gigantes quando preenche espaços inacabados de sentimentos profundos investidos em nossa alma.

O Amor... O Amar...  Quando correspondido...  Sintoniza-nos com a  luz que brilha no centro d…