TUA LUA (DANIELA MERCURY & ALFREDO MOURA)



Tua inteira lua
Tua, em cada gesto um verso
Tua, não só por um dia
Ando a ver o que não via
O beijo é o que me silencia
Para ouvir o som do peito
Que já não batia

Lua, lua, lua, lua, lua, lua, lua, lua

Tua, assim um desafio
Tua, lhe prometo abrigo
O teu corpo
Estampado no meu
Te dou o meu sorriso

Tua lua, sempre tua
Tua porque o amor é tanto
Tua porque o seu amor me basta

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

POEMAS E FRASES (SIMONE DE BEAUVOIR)

LIBERDADE (LANA NÓBREGA)

ESTAR EM PAZ CONSIGO MESMA (TÂNIA POLON)